O que é nepotismo?

A definição original de nepotismo indica a autoridade de sobrinhos (e outros parentes) do Papa na administração da Igreja.
Por extensão de sentido, passou a significar também o favoritismo ou favorecimento (e até contratação) de parentes dentro de uma administração, especialmente a pública.
Mas a curiosidade léxica fica por conta da origem da palavra nepotismo: ela vem de nepote + -ismo.

Continue lendo “O que é nepotismo?”

Conjugação do verbo aderir

O verbo irregular aderir é muito chato de conjugar, por causa de sua irregularidade. Na primeira pessoa do presente do indicativo, então, soa horrivelmente: eu adiro! O presente do subjuntivo também é assim: quero que você adira à minha causa.

Continue lendo “Conjugação do verbo aderir”

A diferença entre espiar e expiar

Nestes tempos terríveis de vício em espiar a vida alheia, os espiadores (que espiam, observam secretamente) muitas vezes se atropelam na ânsia de fazer seus comentários, e trocam o S pelo X e vice-versa.

Continue lendo “A diferença entre espiar e expiar”

Diferença entre glosa e grosa

Glosa e mote

Eu já defini glosa em outro artigo deste curso, sobre versificação em língua portuguesa, no qual eu disse que a glosa é uma composição poética na qual são repetidos os versos de um mote (verso ou estrofe que lança um tema). Em termos de prosa, a glosa é a explicação, crítica ou comentário a um outro trecho de texto. Continue lendo “Diferença entre glosa e grosa”

O que é um preito?

Não, você não leu errado: o termo é preito mesmo! E não estou falando de pleito, que significa uma questão em juízo, uma demanda jurídica ou um litígio, além de eleição (pleito eleitoral), significado mais comum. Daí o verbo pleitear, que quer dizer requerer, litigar (contestar), questionar. Continue lendo “O que é um preito?”