Ortoépia x cacoépia

Esta pauta foi sugerida pelo meu amigo Janio Sarmento: a diferença entre ortoépia e cacoépia.

Ortoépia

Ortoépia (também com a grafia ortoepia, que é válida, segundo o VOLP: Vocabulário Ortográfico da Língua Portuguesa, da Academia Brasileira de Letras) é a “parte da gramática que ensina as regras da boa pronúncia”, segundo o Aulete Digital.

Prosódia

Mas alguém pode perguntar, e a prosódia, faz o quê?

Há quem diga que a ortoépia é uma parte da prosódia. Isso faz sentido, já que o significado de prosódia é mais amplo: trata da acentuação / entonação da língua, da pronúncia correta, também chamada de ortofonia, do estudo das normas desse campo, e do ritmo, intensidade, tom, altura e duração da fala.

Tanto que a prosódia se estende ao campo musical, englobando a harmonização entre a acentuação das palavras e os compassos fortes da música.

Cacoépia

Já a cacoépia (ou cacoepia; o VOLP também registra ambas as formas) trata exatamente do contrário, da má pronúncia, da pronúncia viciosa das palavras: a pronúncia oposta às regras da ortofonia.

Cacofonia

E a cacofonia é a produção ou repetição de sons que desagradam ao ouvido.

Um cacófato clássico é a expressão “histórico-cultural”; outro famoso, no campo literário, é de Camões: “alma minha gentil…”.

*

Nota: o dicionário Novo Aurélio traz as mesmas definições apresentadas acima.

Que tal compartilhar este texto com seus amigos? Basta um clique e estará nos ajudando muito!

»crosslinked«

4 pensamentos em “Ortoépia x cacoépia”

  1. Todos os artigos estão disponíveis para leitura aí no blog; é só estudar. 🙂
    Boa sorte!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *