Figuras de Linguagem: Metáfora

Figuras de Linguagem: Metáfora

É uma figura que opera uma translação de sentido por comparação, ou seja, há uma transferência de uma palavra para um campo semântico que não é o do objeto que ela nomeia, e que se baseia numa relação de semelhança entre seu sentido próprio e o figurado.
É uma figura muito utilizada literariamente, mas que não pode ser em excesso, para não se cair no lugar comum.

Exemplos:
As horas voam (= passam depressa).
Esse homem de negócios é uma raposa (= pessoa muito esperta).
Ele é um raio no volante (= muito rápido).
Essa mulher é uma pedra de gelo (= é muito fria, calculista).
Ele tem um coração de pedra (= homem duro).
Sua mente era uma tempestade (= estava muito agitada).

Naturalmente, como o processo metafórico é feito por comparação,
ele está muito próximo dela. Simplesmente, quando se faz uma comparação, ou símile,
se for entre palavras de categorias diferentes, são usadas conetivos para isso:
como, tal qual, quanto, etc.

Exemplos:
Esse homem é tão esperto quanto uma raposa.
Ele é tão rápido quanto um raio.
Ela é tão fria quanto uma pedra de gelo.
Ele tem um coração duro como pedra.
Sua mente estava tal qual uma tempestade.
Sua voz era como o som de música celestial.
As jogadas do craque eram como passos de balé.

Que tal compartilhar este texto com seus amigos? Basta um clique e estará nos ajudando muito!

One Comment

Leave a Reply